5 de out de 2011

Capas de filmes de terror orientais

Não é só no cinema americano que há bons filmes de terror. Lá do outro lado do mundo também há excelentes produções assustadoras, muitas vezes adaptados para o cinema americano.Geralmente os mais conhecidos são do Japão, mas também há filmes da China, Indonésia, Coréia do Sul, entre outros países asiáticos.
Algumas capas desses filmes são bem criativas, estilosas, outras meio "sem sal" ou bizarras.
Segue a lista de capas de diversos filmes de terror asiáticos:











































10 comentários:

Roderick Verden disse...

Os orientais costumam ser muito exagerados. Gostei mais da nona imagem, da mulher de cabelos longos, dentro da banheira e das lágrimas de sangue.

Bem legal o post.

HONORATO,Sandro. disse...

Ola :)
A 4ª foi a melhor *--*

Beijos e tudo de bom

Paulo Cesar PC disse...

Todas impressionante. Eu achei todas bem marcantes. Um grande abraço.

Moda de Subculturas disse...

Elas são realmente bizarras, algumas nojetas outras violentas. Mas nenhuma me chamou a atenção pela originalidade. ^^

Marcelo Marat disse...

Queria assistir todos...

Szczesny Kacper disse...

Porquê "só" tem mulher nas capas dos filmes de terror (não só estes, mas no geral)? Dá impressão de que gostam de ver apenas esse sexo sofrendo, ou de que acham que é o sexo propenso ao sofrimento. Na minha opinião, pessoas do sexo masculino são as que sofrem mais.

\m/

Samantha Rauber disse...

Adorei muito! Aprecio muito filmes de terror orientais *o* Eu acho até uns filmes mil vezes melhores do que alguns filmes americanos!
Eu só queria saber os nomes desses filmes ae em português, para baixar e assistir ^^
Adorei o blog, está de parabens!
Abraços!

Anônimo disse...

Gosto muito de Terror Oriental, são os melhores...

Janice Adja disse...

Legal!

Anônimo disse...

otimo post!
faltou so por os nomes dos filmes em ingles pelo menos. Assim fica mais facil sabermos quais sao akeles q nao conseguimos reconhecer pelas capas. Pq da vontade de assistir quase todos.

Postar um comentário